À descoberta da ''Veneza Portuguesa'' e não só!

Por Natalia Silva - outubro 03, 2017


Olá!
Hoje venho partilhar convosco um pouquinho das minhas férias de Verão nas quais aproveitei, entre outras coisas, para conhecer a "Veneza Portuguesa" e "dar um saltinho" até Águeda.

O centro de Aveiro é absolutamente incrível! 

Comecei por descobrir este tesouro, onde se conjugam os tempos antigos com a era moderna, passeando de moliceiro pela ria. Se não me falha a memória paguei €10 pelo bilhete. O trajecto dura, sensivelmente, 45 minutos e ao longo do percurso um guia vai-nos dando a conhecer os lugares por onde passámos.



No primeiro dia para além de andar de moliceiro, passeei pelo Lago da Fonte Nova e pelo centro de Aveiro que detém um dos shoppings mais bonitos que já vi. Visitei a Sé de Aveiro e durante a tarde, como era segunda-feira e os museus se encontravam fechados, decidi conhecer a ofinina do doce (o bilhete custa 2€), onde explicam todo o processo que culmina naquele doce tão apetecível! Lá poderão ajudar a fazer o doce e também o poderão degustar!





Para além dos ovos moles, que já conhecia, acabei por comprar outros doces característicos de lá como as "telhas" (feitas à base de claras de ovos), as "raivas" (biscoitinhos de canela), as "castanhas de ovos moles" e, como seria de esperar, é tudo muito bom! (Esqueci de tirar foto dos doces que comprei, só não esqueci de os comer... XD)


Mais para o final do dia fui dar uma volta pela praia da Costa Nova, onde os "palheiros", casas com riscas verticais ou horizontais, que eram antigos armazéns de materiais de pesca ou armazéns de salga da sardinha, são agora  residências balneares.


À noitinha ainda fui passear no parque da cidade de Aveiro e acabei por pernoitar lá perto.


No dia seguinte fui conhecer os Museus! Comecei por visitar o Museu da Cidade, de seguida fui ao Museu de Arte Nova e depois do almoço visitei o Museu de Santa Joana que é o maior dos três! Podem visitar todos os museus comprando um bilhete único por 5€. Se tirarem bilhete em cada museu fica mais caro (2€ quer para o da Cidade quer para o de Arte Nova e 4€ para o de Santa Joana).


O Museu da Cidade tem artefactos antigos, algumas exposições artísticas e pinturas portuguesas. Lá assisti ainda a um vídeo antigo alusivo à cidade de Aveiro.







Quanto ao Museu de Arte Nova gostei do edifício onde está sedeado! O seu elemento mais importante é o azulejo! No interior encontramos uma escada de ferro em caracol, também alusiva a esta corrente, e no rés-do-chão uma casa de chá.




O Museu de Santa Joana é, sobretudo, recheado de pinturas e imagens religiosas. Lá existe também o "Facies Christi" (o Cristo crucificado que muda de expressão consoante o ângulo de onde é observado).

 








Depois disso passei ainda na estação de Aveiro.


Para terminar o dia em beleza fui espreitar o centro de Águeda, famoso pela decoração com guarda-chuvas.









No regresso a casa, ainda houve tempo para um desvio até à Igreja Matriz de Válega (Ovar) que tem uma bonita decoração de azulejos! :)



P.S: Para quem estiver interessado em conhecer Aveiro sobre duas rodas, fique a saber que o Município de Aveiro disponibiliza, a título gratuito, bicicletas (a Buga)! Podem saber mais aqui! ;)
Em Aveiro ainda há muito mais para conhecer como o Navio Museu de Santo-André (antigo bacalhoeiro), o Museu Histórico da Vista Alegre, o Farol e as Salinas (que só avistei ao longe) e os quais tenciono visitar numa próxima ida à cidade!

Partilho ainda um pequeno vídeo com estas e outras fotos! :)



Espero que este artigo vos sirva de inspiração!
Um beijo e até breve!

  • Partilhar:

Também poderás gostar

0 comentários