As bases que a minha pele rejeitou 👎

Por Unknown - setembro 12, 2017





Olá! :)
Hoje venho falar-vos de duas bases que a minha pele não gostou, o que não quer dizer que não sejam boas bases. Simplesmente nem sempre fazemos compras acertadas e essas duas bases não se adequaram bem à minha pele. Querem saber porquê? Descubram já de seguida…



Unlimited Foundation SPF 15 – KIKO






A marca descreve-a do seguinte modo:

“Base fluida de longa duração que garante uma maquilhagem perfeita durante o dia todo. Os ingredientes ativos contidos na fórmula possuem múltiplas propriedades: o extrato de lavanda marinha é conhecido pelo efeito lifting imediato, uma combinação de óleos exóticos hidrata e nutre a pele sem a deixar engordurada.

A textura, macia e confortável, oferece uma aplicação deslizante e com um toque aveludado. A cobertura é médio-alta e facilmente modulável. Além disso, a presença dos filtros solares ajuda a proteger a pele dos sinais do fotoenvelhecimento.

Com 14 referências de cor, Unlimited Foundation SPF 15 é apropriada para qualquer tipo de pele e tez, ideal para manter a maquilhagem do rosto sempre perfeita.”


O que eu achei?

É de facto uma base fluída, de longa duração e com uma boa cobertura, mas a minha pele não encontra nela os níveis de hidratação de que necessita. Esta base fica demasiado sequinha em contacto com a minha pele. Tomara eu um aspecto de pele macia, confortável e toque aveludado, mas comigo não tem funcionado…  ressaltam os poros, tudo que é peles a descamar, linhas de expressão… Enquanto persistir na utilização nocturna de esfoliantes e ácidos na pele, não me parece que lhe possa dar muito uso…



Mat Mousse Foundation – KIKO







Outra base que a minha pele pede distância… É a Mat Mousse da Kiko.


A marca descreve-a assim:

Ideal para peles normais a oleosas, a Mat Mousse Foundation é a base em mousse enriquecida com uma combinação de ativos com ação matificante.
A consistência leve e cremosa da textura torna a aplicação ultra confortável e proporciona um efeito que é, ao mesmo tempo, de cobertura e natural.
A textura, sensorial e suave ao tato, deixa transparecer o grão da pele sublimando-o. As imperfeições são minimizadas e as zonas brilhantes visivelmente opacizadas.
O inovador complexo de ingredientes garante uma boa fixação e uma elevada elasticidade. Além disso, a presença dos filtros solares ajuda a proteger a pele dos primeiros sinais do fotoenvelhecimento.”


O que eu achei?

É uma base bem espessa, com boa cobertura e deixa a pele mate e sequinha, sem qualquer brilho ou vestígios de oleosidade, no entanto tal como a anterior, põe-me em evidência poros, linhas de expressão e peles secas soltas. O que me levou a adquiri-la? O facto de não ter nenhuma base em mousse e querer experimentar...




Acredito que ambas as bases façam maravilhas em peles oleosas, mas para mim que tenho pele mista e não abro mão de afinar a pele com os meus ácidos e esfoliantes, não costumam ser a minha primeira opção...


CONTUDO…

Recentemente descobri uma maneira de as usar e partilho agora esta dica que tem resultado muito bem comigo: misturar creme hidratante ou protector solar com a base! Ela fica muito mais fluída e fácil de aplicar e o rosto fica com um aspecto saudável! Embora a base adquira um tom mais claro, de seguida passo uma base em pó compacto com cor e resolvo o assunto! :D


Espero que esta publicação vos seja útil.
Um beijo e até breve! 😘

  • Partilhar:

Também poderás gostar

1 comentários