Husse - É uma marca de confiança?

Por Unknown - agosto 15, 2017


Olá!
Hoje venho prestar-vos alguns esclarecimentos sobre a marca Husse, da qual já vos falei no meu blogue. Como tudo o que é novidade em Portugal gera sempre alguma desconfiança, resolvi fazer um artigo para que de uma forma rápida e transparente possa elucidar-vos sobre o conceito da marca e se esta se trata ou não de uma marca de confiança. 
No fundo, este artigo serve de complemento ao já anteriormente aqui apresentado. 


Passo então ao esclarecimento de algumas questões que considero pertinentes:


Por que motivo a Husse não vende em superfícies comerciais?

Muita gente se questiona por que razão a marca não vende no mercado. Ora, tanto quanto sei (por intermédio do meu distribuidor local, pois não sou revendedora nem coisa que se pareça), isso é algo que está intimamente ligado à marca. É um dos aspectos que a torna especial e diferencia das demais marcas que, na prática, exigem que sejam os donos de animais a deslocar-se às superfícies comerciais para se abastecerem com ração para os seus amigos de quatro patas. Não se conformando com esse tipo de procedimento, a Husse dispõe de distribuidores espalhados por várias zonas do país, prontos a entregar-vos a ração para o vosso amigo (sendo a entrega ao domicílio totalmente grátis, desde que façam uma encomenda superior a 18€!)



A comida da Husse tem uma alta percentagem de cereais na sua composição?

A resposta é negativa. Alta concentração de cereais nos alimentos para animais (commumente associados a alergias alimentares e outros problemas de saúde e que nada contribuem para uma dieta rica e equilibrada...) encontram nas embalagens dos supermercados, sobretudo de marca branca. Por algum motivo elas são tão baratas, não é verdade?  Mas, muitas das vezes, nem as embalagens de ração mais cara escapam! Basta uma simples análise à composição dos alimentos lá disponível para constataram que o componente principal são os cereais...

No que concerne aos alimentos para gato, que é o que tenho conhecimento de causa, enquanto consumidora, os produtos da Husse são ricos em proteína animal, complementados com taurina, contêm fibra natural para ajudar a prevenir bolas de pêlo e têm excelente teor de ácidos gordos Ómega 3 e Ómega 6 (bons exemplos disso são: o Kroketter de Peixe e o Kroketter de frango). 

A Husse dispõe de várias variantes de comida seca ajustada às necessidades dos nossos gatos, consoante se trate de um gato em crescimento (Kattunge), gato menos activo e obeso (Light), gato activo (ActiveLamm & Ris); se sofre do tracto urinário (Urinary); se se trata de gato esterilizado (Sterilised). E, inclusivé, dispõe de uma variante "grain free", ou seja, sem cereais e ainda sem glúten, corantes ou conservantes (Opus Lynx).


Dica: Quando vão fazer uma encomenda, importa ter em conta que quanto maior a embalagem maior a poupança (em proporção), ou seja, por exemplo, a embalagem de alimento seco Active de 2kg custa €16,00 (8€ por kg), mas já a de 7kg custa €39,00 (aprox. €5,50 kg)! Outro exemplo: Kroketter de frango ou peixe, 3kg sai a €15,50 (€5,16 kg), mas 7kg fica por €27,00 (€3,85 kg)!

Mas nada como falarem com o distribuidor da vossa zona (para saberem quem é basta colocarem o vosso código postal nesta página aqui) e solicitarem uma amostra grátis, para se certificarem se é do agrado do vosso pet, antes de adquirirem tanta quantidade de comida... ;)

Dispõe ainda de uma grande variedade de alimento húmido, pois nem só de alimento seco devem viver os nossos patudos...

Alguns exemplos:

Alimento húmido: nas variedades frango (à esquerda) e salmão (à direita)

Geleia de cavala (em cima), frango (à esquerda) e atum (à direita)

E estes snacks em forma de coração, são ou não são a coisa mais amorosa? Cá o Riscas adora-os, só não gosta é de fotografias...




A Husse testa em animais?

A Husse integra a lista das empresas de alimentos para animais "cruelty free", ou seja, não usa animais para testes de palatabilidade.
Ao contrário de outras empresas que mantêm os animais em cativeiro e usam-nos  para saberem se o produto pode ser ou não bem sucedido no mercado, a Husse importa-se e preocupa-se com o bem-estar dos animais.
Toda a gente tem o direito de saber que tipo de produto é que está a comprar e é por isso que no site OIPA, organização internacional de proteção animal, podemos ver uma lista que mostra por um lado as empresas que realizam testes em animais - a lista negra - e aquelas que não o fazem - lista branca. Obviamente que a Husse integra a lista branca! O que também é um aspecto muito positivo!


Curiosidade:

Sabiam que Henry, eventualmente, o gato mais velho do mundo, come alimentos Husse?

Sally Brown com o seu gato  Henry (Imagem: Archant
Quem o afirma é a sua dona, Sally Brown que garante que o seu Henry já conta com 30 anos de idade.  Podem ver o artigo completo aqui!

Espero que este artigo vos seja útil!
Até breve! ;)

  • Partilhar:

Também poderás gostar

2 comentários

  1. Já conheço a marca e já estive para fazer uma encomenda a uns meses , mas depois tive um problema e não consegui . Mas a minha opinião é muito positiva :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Helena! ;) Às vezes surgem problemas... mas ainda bem que isso não mudou a tua opinião! :-*

      Eliminar